Você sabe o que é DPI? (Inspeção Profunda de Pacotes)

Todos os dados virtuais, incluindo e-mails, mensagens enviadas por aplicativos e páginas acessadas, são transmitidos pela internet em pequenos segmentos de informação conhecidos como pacotes.

Além das informações em si, esses pacotes contêm uma camada de metadados capaz de identificar a fonte e o conteúdo do tráfego, além de outros detalhes importantes, que garantem que os dados sejam encaminhados com segurança para o destino adequado.

O processo de análise desses pacotes é conhecido como inspeção profunda de pacotes, ou simplesmente DPI. Neste artigo, você vai entender em mais detalhes como funciona e os principais benefícios do DPI.

Como funciona o DPI?

O recurso de inspeção profunda de pacotes monitora parte do tráfego de entrada e saída dos equipamentos conectados à rede. Desse modo, é possível realizar a filtragem desses dados ao identificar desvios de protocolo de rede que indiquem um ataque ou violações da política de segurança.

A inspeção profunda de pacotes é frequentemente utilizada por empresas e provedores de serviços de Internet (ISPs) com o intuito de detectar e prevenir ataques e ameaças cibernéticas. O detalhamento dos eventos fornece informações valiosas, incluindo a data da ocorrência, além do responsável e do alvo do ataque. Desse modo, administradores podem ser notificados automaticamente em caso de incidentes.

Leia também: Web Filter: por que a filtragem de conteúdo é tão importante?

Benefícios da Inspeção Profunda de Pacotes

Aprimora a segurança da rede

Ao analisar os pacotes além do cabeçalho, o DPI é capaz de detectar ameaças ou ataques que podem estar ocultos no conteúdo. Isso possibilita que uma organização identifique e bloqueie com mais facilidade malwares, vazamentos de dados e outras ameaças de segurança à sua rede e/ou usuários.

Fornece opções adicionais para gerenciar o tráfego de rede

As regras da inspeção profunda de pacotes podem ser programadas para procurar tipos específicos de dados e identificar pacotes de acordo com a sua prioridade.

Funciona também para o tráfego de saída

Isso pode ajudar a evitar vazamentos de dados e identificar para onde seus dados estão sendo enviados.

Regras predeterminadas definem como o DPI trata pacotes em tempo real

Todas as informações do pacote, do cabeçalho ao seu conteúdo, são verificadas e tratadas com base em regras pré-programadas pela sua equipe. Dessa forma, seu sistema pode classificar, filtrar e priorizar automaticamente cada pacote sem impactar a velocidade da sua rede.

O Blockbit NGFW oferece recursos de inspeção profunda de pacotes e tráfego criptografado, que possibilitam a rápida criação de políticas para permitir, negar ou restringir o acesso aos aplicativos ou categorias inteiras de aplicações.

Quer saber mais? Entre em contato com a gente pelo e-mail contato@blockbit.com, pelo telefone (11) 2165-8888 ou pelo WhatsApp (11) 5039-2127 e conheça nossas soluções.

Baixe agora: Como escolher o firewall ideal para a sua empresa

Sugestões de leitura